Tradicional bairro Warnow, em Indaial, sofre com a perda da sua identidade cultural

Falta de valorização e de cuidado com os principais pontos históricos e turísticos provoca a degradação de parte importante da cidade

O bairro Warnow, de Indaial, tem experimentado, nos últimos anos, a perda da sua identidade cultural pela falta de cuidados e de preservação dos seus principais pontos históricos. A Ponte Coberta e a Ponte Pênsil, além de outras estruturas que fazem parte do turismo da cidade, são exemplos do que o descuido e a ação do tempo podem provocar no patrimônio público.

Rota turística da cidade, o bairro Warnow é considerado de importância fundamental para a preservação da história da cidade. Apesar de ter esta relevância, o bairro apresenta problemas em infraestruturas conhecidas, como a Ponte Coberta, que em março de 2020 sofreu danos em sua estrutura pela segunda vez em pouco tempo.

Atualmente sem o telhado, a ponte continua sem reparos, enquanto um projeto de recuperação da Secretaria de Planejamento da cidade, desenvolvido em conjunto com técnicos do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, está em andamento.

Além do problema estrutural na Ponte Coberta, o bairro enfrentou incêndios em casas antigas e que fazem parte do patrimônio histórico da cidade. Em 2019, um casarão abandonado na rua Marechal Deodoro da Fonseca teve um de seus cômodos incendiados.

Ponte Coberta, em imagem de arquivo. Foto: Maikon Almeida/Wikimedia/Divulgação/Nosso TAL
Ponte Coberta em 2021, sem a cobertura. Foto: Gabriela Milena Bortolato/Nosso Tal

Com mais de 100 anos de história, o bairro Warnow abriga importantes elementos históricos e culturais da cidade. Heranças deixadas em sua maioria por imigrantes alemães, poloneses e italianos, como as casas de estilo enxaimel e a Ponte Coberta, que foi construída com o método de encaixe de peças de madeira.

Conheça um pouco mais sobre a história do Warnow

Indaial começou a ser colonizada por volta do ano de 1860, quando imigrantes alemães começaram a se estabelecer no local. Naquela ocasião, a cidade era chamada de “Indayal”. Aos poucos, após a chegada dos alemães, começaram a colonizar a cidade imigrantes italianos e poloneses.

Mas a história do Warnow teve início muito antes da cidade de Indaial ser colonizada por europeus. Inicialmente, índios carijós e tapajós se estabeleceram no local e criaram o bairro.

Durante anos, o Warnow foi colônia de Blumenau. O bairro era passagem obrigatória dos tropeiros, que se deslocavam do litoral do Estado para os campos de Lages. Neste trajeto, eles passavam pelo Warnow, que ainda pertencia à Blumenau.

Treze anos depois do início da colonização alemã, em 1873, esses imigrantes fundaram a Sociedade de Atiradores do Warnow, a Schützengesellschaft Warnow. O local surgiu no Warnow como opção para os moradores do local fazerem confraternizações e atividades culturais.

Mas, durante o Estado Novo, de Getúlio Vargas, o governo federal fechou a Sociedade de Atiradores do Warnow por meio da Campanha de Nacionalização. O bairro também abrigou algumas escolas adeptas ao ensino nazista antes desta Campanha de Nacionalização.

Atualmente, apesar do abandono com algumas infraestruturas do bairro, o Warnow continu abrigando pontos turísticos da cidade e se revelando um local rico em cultura. A economia local se baseia principalmente na agricultura familiar, com foco no plantio de arroz e no de hortaliças, estas últimas comercializadas nos supermercados da cidade e na feira livre municipal.

A origem do nome Warnow
O nome do bairro é uma homenagem à um município da Alemanha localizado no distrito de Nordwestmecklenburg, no estado Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental.

Repórter: Gabriela Milena Bortolato.
Editor: Lucas Trapp Serpa.

Um comentário sobre “Tradicional bairro Warnow, em Indaial, sofre com a perda da sua identidade cultural

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s